Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página Inicial > Notícias > Cerimônia marca entrega da reforma do Campus Pinheiro
Início do conteúdo da página Notícias

Cerimônia marca entrega da reforma do Campus Pinheiro

Solenidade também celebrou o Dia internacional da menina, com o projeto “Meninas ocupam”.
  • Maycon Rangel
  • publicado 17/10/2018 14h02
  • última modificação 17/10/2018 14h02

Solenidade marcou a entrega da obra de reforma do campus

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Pinheiro realizou na quinta-feira (11) a cerimônia de entrega da reforma da unidade. O momento contou com a presença de estudantes, servidores e gestores do Instituto. A data foi também marcada por uma série de atividades alusivas ao Dia internacional da menina, celebrado no dia 11 de outubro.

O reitor, Roberto Brandão, falou que uma das prioridades de sua gestão é o empoderamento dos alunos e que, nesse sentido, ações sistêmicas da Reitoria vêm buscando sensibilizar o corpo discente sobre a importância da constituição de grêmios estudantis. “A obra física é importante, mas o nosso maior legado é a formação das pessoas, sobretudo a formação cidadã. Vocês sairão daqui com uma consciência crítica e com capacidade de transformar a vida das pessoas”. Roberto Brandão mencionou que as atividades relacionadas ao Dia da menina vão passar a integrar o calendário institucional.

O diretor geral do campus, Vandeberg Araújo, agradeceu ao apoio dos alunos e da Reitoria, que garantiu os recursos para a realização da reforma no telhado, forro e pintura do campus, orçada em R$ 575 mil. “Vocês são a razão de todo o trabalho que a gente desenvolve diariamente. Esse trabalho é para proporcionar as melhores condições de aprendizado para vocês”. Vandeberg também destacou a importância do empoderamento feminino. “Que o projeto Empodera IFMA seja contínuo. E que vocês possam ocupar os espaços na sociedade”.

A presidente do Grêmio Estudantil do campus, Zípora Sara Barros, frisou que a entidade dialoga com os estudantes para identificar as demandas e buscar concretizá-las. “Que nós continuemos a reivindicar nossos direitos e buscar melhorias contínuas para o campus. Contem com o grêmio para isso!”.

Durante a cerimônia, houve também duas apresentações culturais: as alunas do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indiodescendentes declamaram o poema “Conto de resistência”, da professora Josinelma Bogéa (Campus Buriticupu); e estudantes da turma Meio Ambiente 2018 apresentaram uma quadrilha.

A mesa diretiva do evento foi composta também pelo diretor de Ensino, Danilo Rafael de Brito; pelo diretor de Planejamento e Gestão, Silvestre Paixão Júnior; e pelas alunas Aline Hesley Sousa e Yandra Márcia Ferreira, que participaram do projeto “Meninas ocupam”, ocupando o cargo de direção geral do campus ao longo da semana.

 

#MeninasOcupam

Estudantes conhecem os desafios da gestão do campus por meio da ação #MeninasOcupam

O movimento #MeninasOcupam realiza ocupações em espaços de tomada de decisão em empresas, organizações e instituições governamentais. A ação é uma iniciativa da organização não-governamental Plan International, que estimula a liderança entre meninas ao oportunizar a vivência em cargos de gestão.

“Essa experiência me permitiu conhecer melhor a direção e perceber todo o trabalho que é feito para que o campus possa funcionar”, declarou a estudante Yandra Ferreira, do curso técnico em Edificações. Da mesma forma, a estudante Aline Sousa, do curso técnico em Informática, relata o aprendizado obtido durante a ação. “Pude conhecer as dificuldades, mas também o lado positivo de trabalhar com alunos, professores e técnicos. Essa iniciativa mostra que a menina tem de ocupar os espaços que, muitas vezes, só os homens ocupam”.

Em 2011, a Plan International lançou a campanha mundial “Por ser menina”, com o objetivo de promover os direitos das meninas e contribuir para tirar milhões delas da zona de pobreza, por meio da educação e do desenvolvimento de habilidades. Como resultado dos esforços da entidade para mobilizar governos e Estados sobre o tema, em 2012 a ONU instituiu em Assembleia Geral, o Dia Internacional da Menina, estabelecido no dia 11 de outubro.

 

Reuniões

Após a cerimônia de entrega da reforma do campus, o reitor Roberto Brandão participou de reuniões com o Grêmio Estudantil e com a gestão do campus para tratar de questões relacionadas aos estudantes e à infraestrutura e suprimentos da unidade.

 

Galeria de fotos

Mais fotos

Fim do conteúdo da página